Quarta-feira, 8 de Fevereiro de 2012

Um olhar de um simples Zé Povinho...

            Sem a menor dúvida que já todos estamos cheios de ouvir a palavra crise e até mesmo de a sentir na pele, mas independentemente disso, acho que devemos ter sempre uma visão positiva das coisas, que no fundo é desligar a televisão e meter mãos à obra. Sim, meter mãos à obra porque não podemos contar minimamente com aquela cambada de bonecos que todos ajudamos a subir ao poleiro. Quando digo todos, estou realmente a referir-me a todos os eleitores, até mesmo aqueles que não foram às urnas ou votaram em branco ou qualquer outra coisa do género.

           Li hoje algures que o nosso presidente da republica fez questão de dizer à boca cheia que portugal está a seguir à risca o acordo com a troika.

Sim, e depois? Acham mesmo que isso é alguma habilidade? Parece que é a única coisa que interessa, nem que para isso se passe por cima de tudo e todos.

          Ora vejam lá este ponto de vista:

Como todos sabemos, o número de acidentes de trabalho (mortais) tem vindo a aumentar seriamente nos últimos meses. Infelizmente, existe sempre o risco de acontecerem e por mais medidas que se tomem os acidentes estarão sempre presentes. Mas um dos motivos, sem a menor dúvida, é a falta de meios e atitudes de prevenção colocadas à disposição pelas entidades patronais, que ficam ainda mais imúnes com a "crise" e os colaboradores ficam de mãos e pés atados pois chega-se ao cúmulo de ter duas opções: ou se aceita a falta de condições ou a interminável fila do centro de emprego!

         Outra coisa é o alarido em volta do Carnaval. Concordo que é aceitável que se diminuam os feriados e tolerâncias de ponto, mas acham mesmo que um dia dá aqueles milhões todos de prejuízo? É que por outro lado, é relativamente fácil fazer as contas e ver quanto é a "facturação" anual dos serviços públicos, o que teoricamente seriam bastante lucrativos, o que não me parece. 

Outra coisa que me faz espécie é porque não escolher qualquer um dos outros feriados em que normalmente não se faz nenhum, em vez de um dia em que o povo saí à rua, movimenta a economia, dá a ganhar a muita gente e ainda se abstraí um pouco desta nuvem negra da austeridade. Enfim, atitudes de menino mimado!!

         Por fim, já repararam que as potências da europa, nomeadamente a Alemanha, estão gradualmente a obter o controlo da europa, coisa que não conseguiu com as armas no passado. Não tenham dúvidas que daqui a nada estamos a entregar a chave deste belo jardim aos artistas e ainda vamos de calças arreadas e muito lubrificante...

            Sem mais, vamos mas é trabalhar!!!

 

publicado por fm às 21:44
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
| | partilhar

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Portugal - Expect the Une...

. Quem disse que a vida do ...

. (A) Mensagem de Natal !!

. O desmaio das criancinhas

. Woodstock... Festival do ...

. Rescaldo não oficial da g...

. Momments, agora também ac...

. Praias de Bandeira Azul 2...

. Fóssil de sereia exposto ...

. Conto de fadas, à moda da...

.arquivos

. Julho 2015

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Setembro 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Agosto 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Junho 2011

. Abril 2011

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds